sábado, 8 de agosto de 2015

PROPOSTA APRESENTADA PELA PREFEITURA É REJEITADA PELOS SERVIDORESDA EDUCAÇÃO MUNICIPAL


Também reunidos em assembleias na tarde desta sexta feira, 7 de agosto, os servidores da Rede Municipal de Educação, rejeitaram uma proposta encaminhada horas antes pela Secretaria Municipal de Educação que concedia um Auxílio Alimentação para Professores no valor de R$ 200,00 (duzentos reais) e Servidores de Apoio Administrativo, no valor de R$ 100,00 (cem reais). Na proposta da prefeitura, esse benefício seria pago em 4 parcelas, sendo 2 em 2015 e 2 em 2016. A prefeitura se comprometia também em encaminhar os projetos do Novo PCCR, Nova Lei de Gestão Municipal e colocar à disposição dos servidores toda a sua assessoria jurídica para os procedimentos do saque do FGTS.


Após apreciação a categoria pediu para que a diretoria do sindicato apresentasse uma contra proposta com os mesmos valores, porém, que a prefeitura possa pagar todo o benefício ainda em 2015. 


Por fim, os trabalhadores decidiram esperar o resultado das negociações trabalhando, descartando a possibilidade de greve neste momento.

Assessoria Sinteac/Tarauacá
Fotos Jardy Lopes

Nenhum comentário:

Postar um comentário