sexta-feira, 12 de setembro de 2014

ESCOLA ESTADUAL FRANCISCO NAPOLEÃO DE ARAÚJO REALIZARÁ I FESTA DA MANDIOCA

A comunidade do Gregório prepara-se para mais uma novidade no final de semana. Um evento inédito vem sendo organizado pela Escola Estadual Francisco Napoleão de Araújo. 

Trata-se da I Festa da Mandioca. O evento acontece próximo domingo(14), no horário das 8:00 às 17:00 h, na na Comunidade do Gregório, Vila São Vicente, Km 83(Sentido Tarauacá/Cruzeiro do Sul).

A programação prevê apresentação de quadrilha, eleição da miss e mister, atrações musicais, brincadeiras e, claro, o sabor das tradicionais comidas típicas à base de mandioca. 

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

INSTITUTO SÃO JOSÉ COMEMORA JUBILEU DE OURO COM UMA GRANDE FESTA

Ato solene de comemoração dos 50 anos (foto: Jardy Lopes)
Resgatando a História para que alunos e comunidade conheçam a história da instituição e que nada se perca ao longo do tempo, uma vasta programação foi promovida pela comunidade escolar do Instituto São José, para as comemorações dos 50 anos da escola. 
Estudantes da escola (foto: Jardy Lopes)
Atividades religiosas, culturais, esportivas e um ato solene foram realizados durante a semana de comemorações que se encerrou no último domingo 30 de agosto, na quadra de esportes da escola, com a presença da comunidade escolar e convidados. 

Atividades culturais na quadra da escola (foto: Jardy Lopes)
A Escola São José, fundada pelo Padre Raymundo Agnaldo Pereira Trindade, iniciou suas atividades em março de 1964 com duas turmas, num total de 47 alunos. As primeiras professoras foram Francisca Aragão e Iza Santo. 

Com o desenvolvimento da cidade de Tarauacá, cresceu também o número de alunos e o espaço foi ampliado para garantir o conforto e a acolhida da demanda, tentado aprimorar sempre mais os cursos que nele funcionam.

Acreditando nos princípios educacionais e cristãos, confirmados por cinco décadas, a escola, ligada à Paróquia São José, investe na adequação do ambiente físico, na melhoria dos processos pedagógicos e na criação de atividades significativas que resultem na assimilação de valores, na qualificação do ensino e na integração família-escola-comunidade.

Fonte: Blog do Accioly

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

8º PRÊMIO PROFESSORES DO BRASIL. INSCRIÇÕES ATÉ 15 DE SETEMBRO

O Prêmio Professores do Brasil é uma iniciativa do Ministério da Educação, através da Secretaria de Educação Básica, juntamente com as instituições parceiras. Instituído em 2005, tem como objetivo reconhecer, premiar e divulgar o mérito de professores das redes públicas de ensino, pela contribuição dada para a melhoria da qualidade da educação básica. Para tanto, são avaliadas as experiências pedagógicas bem–sucedidas e inovadoras.
O concurso tem três etapas: inscrição, avaliação e premiação.
Estão aptos a se inscreverem todos os dois milhões de professores de todos os níveis da educação básica do sistema público de ensino brasileiro. Basta ter uma prática pedagógica criativa e bem sucedida (em andamento ou já concluída) com seus alunos e formalizar a inscrição.
Na segunda etapa, uma comissão de alto nível analisa as experiências relatadas pelos professores e seleciona as mais relevantes.
Em dezembro, numa grande festa de encerramento, estes professores e as escolas onde atuam são contemplados com o prêmio, tornando seu trabalho reconhecido por todos os que valorizam a educação brasileira.
A 8ª Edição do Prêmio Professores do Brasil está dividida em duas categorias.
A primeira categoria "Temas Livres" abrange as subcategorias:
  • Educação Infantil;
  • Anos Iniciais do Ensino Fundamental;
  • Anos Finais do Ensino Fundamental; e
  • Ensino Médio.
A segunda categoria "Temas Específicos" abrange as subcategorias:


  • Educação Integral;
  • Ciências para os anos iniciais do Ensino Fundamental;
  • Alfabetização nos anos iniciais do Ensino Fundamental; e
  • Educação Digital articulada ao desenvolvimento do currículo.

    Fonte: http://premioprofessoresdobrasil.mec.gov.br/
  • quinta-feira, 14 de agosto de 2014

    AVISO


    Considerando que amanhã(15) é feriado municipal e estadual o Sinteac comunica a todos os seus associados e dependentes que não haverá atendimento ao público.

    Agradece,


    À direção.

    quarta-feira, 13 de agosto de 2014

    ANIVERSARIANTE DE HOJE

    A Diretoria do Sinteac/Tarauacá parabeniza o cantor e instrutor de música do Sinteac Daniel Araújo desejando-lhe muita alegria, paz, saúde e felicidades.

    terça-feira, 12 de agosto de 2014

    DIRETORIA EXECUTIVA DO SINTEAC SE REÚNE COM O SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO


    A diretoria Executiva do SINTEAC/Tarauacá reuniu na última sexta feira com o Secretário Municipal de Educação, Francisco Silva Souza para debater sobre a minuta da Reformulação do Plano de Cargos Carreira e Remuneração - PCCR e Lei de Gestão.

    Sobre a Reformulação do Plano de Cargos Carreiras e Salários o secretário disse que vai haver uma última reunião com a Comissão que está discutindo intensamente os pontos da reformulação que ainda há divergências entre a Prefeitura e SINTEAC e apresentar ainda este mês a minuta final ao parlamento municipal.
    Sobre a Reformulação da Lei de Gestão do Município está programando um Seminário que será realizada ainda este mês com representações de todas as escolas municipais, SEME, Sinteac, Conselho Municipal do FUNDEB  e Conselho Municipal de Educação, para o debate final sobre a minuta da Lei que será também levada ao parlamento municipal para análise e votação.

    Desde o mês de julho a prefeitura já vem cumprindo parte do acordo firmado com o SINTEAC, com o reajuste linear para todos os servidores no valor de 3%(três por cento) e a incorporação de R$70, 00 ao piso dos servidores de apoio que antes era pago mensalmente como abono salarial, correndo o risco de ser suprimido a qualquer momento.

    Assessoria de comunicação do SINTEAC/Tarauacá

    Coletivo dos funcionários de escola se reúne para traçar estratégias

    O Departamento de Funcionários de Escola (Defe) tornou-se Secretaria da CNTE a partir do 32º Congresso Nacional, garantindo presença política mais forte para o setor. A primeira reunião do coletivo dos funcionários depois da mudança teve como pauta a formação. Foram encaminhadas deliberações do último Encontro Nacional dos Funcionários, realizado em 2013, como a ampliação e o fortalecimento do Profuncionário, programa de formação instituído pelo MEC - uma conquista da CNTE. 
    O secretario de funcionários da Confederação, Edmilson Lamparina, falou da importância do coletivo, que existe há 18 anos e agrega secretários e coordenadores de funcionários de todos os estados. Um dos grandes objetivos é tratar de ações de qualificação: "Nós vamos trabalhar a questão da lei 12.796, que trata de cursos de nível superior e até pós-graduação, e vamos tratar principalmente da questão do curso de tecnologia em processos escolares, que a gente já tem no Acre. Estamos debatendo o currículo desse curso para que possamos também profissionalizar em nível superior os nossos funcionários da educação em todo o Brasil", disse.
    O presidente da CNTE, Roberto Franklin de Leão, explicou que além de debater a construção de um currículo que atenda às necessidades de formação dos funcionários, o coletivo também discute valorização salarial, já que o Plano Nacional de Educação estabelece prazo para definição dos planos de carreira: "Com a aprovação do PNE, temos um prazo de 2 anos para que exista carreira de profissionais de educação com base no artigo 206 da Constituição, que significa que todos os profissionais, aí incluídos os funcionários e os professores, devem estar no mesmo plano, devem ter piso salarial, levando em conta sua formação etc".
    O PNE também estabelece que em 3 anos o Brasil deve ter pelo menos 50% dos funcionários contratados por concurso público, o que afeta fortemente a categoria: "Quando você tem um processo de terceirização, como acontece com eles, é um ponto importante a ser discutido: como fazer essa implementação? É trabalho pra 2, 3 anos, nós sabemos, uma luta muito difícil, mas tenho certeza que a organização da CNTE como um todo, e dos companheiros funcionários de educação, em particular, dá conta do recado", afimou Leão.

    Fonte: http://www.cnte.org.br/

    domingo, 10 de agosto de 2014

    HOMENAGEM AOS PAIS

    Imagem: Divulgação

    Simplesmente, Pai!


    Pode ser novo, pode ser velho.
    Pode ser branco, negro ou amarelo.
    Pode ser rico ou pobre.
    Pode ser solteiro, casado,
    viúvo ou divorciado.

    Pode ser feliz ou infeliz.
    Pode estar aqui ou já ter ido embora.
    Pode ter tido filhos ou adotado-os.
    Pode ter casa ou morar na rua.
    Pode usar terno ou tanga.
    Pode ser Deus ou humano.
    Pode estar trabalhando
    ou desempregado.
    Pode ser tanta coisa
    ou simplesmente
    PAI.

    Pai é a experiência certa,
    que nos encoraja a começar de novo.
    Pai é o ombro amigo,
    que nos estimula a prosseguir em frente.
    Pai é o braço forte,
    que nos ergue, ensaiando o riso
    diante do medo.
    Pai é o olhar sincero,
    que nos questiona com a pergunta
    verdadeira.

    Mas todos, sem faltar um sequer,
    fazem parte da criação.
    Que não só hoje,
    mas em todos os dias desta vida
    possam ser lembrados como aquele que
    muitas vezes não dormiu,
    muitas vezes ficou pensando
    na comida para levar para casa,
    muitas vezes engoliu sapos,
    muitas vezes chorou escondido,
    muitas vezes gargalhou,
    muitas vezes perdeu a hora,
    mas nunca deixou de pensar
    na coisa mais importante da sua vida ...
    "Seus filhos "

    Uma homenagem da direção do Sindicato dos Trabalhadores em Educação – SINTEAC - a todos os Pais.

    segunda-feira, 4 de agosto de 2014

    SINTEAC repudia onda de violência contra as mulheres

    A violência contra a mulher é entendida como qualquer ato ou conduta, que cause morte, dano ou sofrimento físico, sexual ou psicológico à mulher, tanto público como privado. Este tipo de violência já é reconhecido pela própria ONU – Organização das Nações Unidas – como um grave problema de saúde pública.

    Em nossa sociedade muita gente ainda acha que o melhor jeito de resolver um conflito é a violência e que os homens são mais fortes e superiores às mulheres. Embora muitas vezes o álcool, drogas ilegais e ciúmes sejam apontados como fatores que desencadeiam a violência contra a mulher.

    Aqui no nosso município esse grave problema em relação a violência e quando se fala em violência contra a mulher tem aumentado bastante este ano. 

    A violência, nós sabemos, é um mal que a sociedade precisa combater cotidianamente em todas as áreas em que ela se manifesta. Ela é um mal porque tem a capacidade de comprometer, de contaminar as relações entre as pessoas. Principalmente, com crimes contra a mulher, que lamentavelmente, são frequentes todos os dias. Esse é um crime que envergonha tanto os homens quanto as mulheres.

    Seu enfrentamento é uma luta de todos nós, das mulheres, sobretudo, mas também dos homens. Porque essa é uma luta que une famílias, gerações e que deve mover governo e sociedade.

    Tolerância zero com a violência contra a mulher é o compromisso básico de qualquer sociedade, e nós devemos construir este sentimento no dia a dia nas portas das escolas, nos bancos, nos canteiros de obras, nas empresas, nas repartições públicas e, principalmente, dentro de casa. 

    Nosso papel, como trabalhadores em educação e cidadãos, é conscientizar as mulheres para que denunciem seus agressores e solicitar das autoridades competentes medidas que combatam esse tipo de violência e garantam a integridade de quem sofre violência.


    O SINTEAC vem a público expressar seu repúdio frente à violência machista sofrida pelas mulheres, em especial a do nosso município.

    sexta-feira, 1 de agosto de 2014

    Secretaria de Estado de Educação e Esporte anuncia pagamento de VDP e VDG na primeira quinzena de agosto

    Após vários professores do município de Tarauacá procurarem o SINTEAC para informações sobre o Prêmio de Desenvolvimento Profissional - VDP e o Prêmio Anual de Valorização e Desenvolvimento da Gestão – VDG não terem sido pagos juntamente com o pagamento do mês de julho, entramos em contato com a Secretaria de Estado de Educação e Esporte.

    Segundo o Diretor de Gestão Evaldo Viana as gratificações não saíram com o pagamento do mês de julho porque ainda não tinha sido realizado todo o levantamento das avaliações e as gratificações (VDP e VDG) serão pagas a partir do dia 7 de agosto em folha suplementar. "Os prêmios serão pagos a quem fazem jus, citando os Diretores Escolares, Coordenadores de Ensino, Coordenadores Administrativos, Coordenadores Pedagógicos e Professores (efetivos e temporários) em regência de classe, que se enquadrem na legislação pertinente à matéria e que tenham cumprido os critérios ali estabelecidos", finalizou Evaldo.

    O Prêmio Anual de Valorização e Desenvolvimento Profissional - VDP, é pago em duas parcelas e o valor varia de R$ 2.300,00 a R$ 940,00, parcelado em duas vezes, no final de cada semestre.

    O Prêmio Anual de Valorização e Desenvolvimento da Gestão – VDG  e o valor varia de R$ 4.623,00 e R$ 1.200,00, e também é parcelado em duas vezes, no final de cada semestre. 

    Ainda em cima do valor mencionado são descontados os impostos que variam de 7,5% a 27,5%. Saiba mais sobre o VDP e VDG clicando AQUI  e acessando as Leis Complementares que regulamentam os dois prêmios.

    CONFIRA A TABELA DE PAGAMENTO DA VDP / EXERCÍCIO DE 2014 CLICANDO AQUI

    CONFIRA A TABELA DE PAGAMENTO DA VDG/ EXERCÍCIO DE 2014 CLICANDO AQUI


    Com informações da Secretaria de Estado de Educação e Esporte

    quarta-feira, 30 de julho de 2014

    Cadastre-se até 01/08 e receba os materiais da SAM 2014

    Ilustra final

    Neste ano, a Semana de Ação Mundial acontecerá no Brasil de 21 e 27 de setembro e terá como foco o Direito à Educação Inclusiva – Por uma escola e um mundo para todos. Assim como nas edições anteriores da iniciativa, a Campanha Nacional pelo Direito à Educação distribuirá gratuitamente materiais específicos para apoiar e subsidiar a realização de atividades locais. Trata-se de um kit que inclui cartaz, folder e manual com orientações e sugestões de atividades. Para receber esses materiais por correio, é necessário preencher o formulário disponível em:http://bit.ly/1nPVQaR. As inscrições vão até o dia 1º de agosto.

    A proposta é realizar em todo o Brasil atividades que permitam a participação de todas e todos, alunos, professoras e funcionários da creche à universidade, gestores, conselheiros, profissionais da saúde e da assistência social, famílias, artistas, ativistas, entre outros, para debater como assegurar o direito à educação em escolas públicas, regulares e de qualidade a todas as crianças, jovens e adultos com deficiência.


    Desafios da Educação Inclusiva

    Em todo o mundo, as pessoas com deficiência estão entre os grupos de maior risco de exclusão escolar. Segundo o último Censo Populacional (IBGE, 2010), o Brasil tem 45,6 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência, o que representa 23,9% da população. Atualmente, a maioria das crianças e adolescentes com deficiência já estuda em escolas regulares. Em 2013, 77% (648 mil) das matrículas de alunos com deficiência estavam em classes comuns. Mas, os desafios ainda são grandes. A recusa em matricular essas pessoas ainda é um problema corrente e as escolas carecem de:

    Espaços, mobiliários e materiais didáticos acessíveis;
    Transporte escolar acessível;
    Salas e materiais para o (AEE) Atendimento Educacional Especializado;
    Formação inicial e continuada para o AEE aos professores e demais profissionais da educação; Tradutores e intérpretes;
    Profissionais de apoio, que auxiliem na alimentação, higiene e locomoção dos alunos;
    Currículo e avaliação flexibilizados.


    A SAM
    É uma iniciativa da Campanha Global pela Educação (CGE) que acontece simultaneamente em mais de 100 países, desde 2003. Em 2014, as discussões internacionais aconteceram entre os dias 4 e 10 de maio, para pressionar os governos no cumprimento dos acordos internacionais da área, entre eles o Programa de Educação para Todos (Unesco, 2000). No Brasil, a SAM é coordenada pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação.


    Objetivo
    Envolver a sociedade civil em ações de incidência política, de modo a exercer pressão sobre os governos para que cumpram os acordos internacionais da área, entre eles a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, da qual o Brasil é signatário.


    Como participar
    Como atividade nacional da SAM em 2014, a Campanha Nacional pelo Direito à Educação e seus parceiros estão organizando um grande evento que acontecerá na semana de 21 a 27 de setembro. Várias atividades já estão programadas em todo o Brasil e você e seu grupo também podem propor a sua!
    A Campanha Nacional pelo Direito à Educação está produzindo e distribuirá gratuitamente materiais específicos para apoiar e subsidiar a realização de atividades locais. Trata-se de um kit que inclui cartaz, folder e manual com orientações e sugestões de atividades.

    Acesse o blog da SAM: 
    www.semanaacaomundial2014.wordpress.com

    Realização:
    A SAM 2014 é coordenada pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação, com o apoio do Comitê Técnico formado pelas seguintes instituições: ActionAid, Campe (Centro de Apoio a Mães de Portadores de Eficiência), Escola de Gente, Federação Brasileira das Associações de Síndrome de Down, Fórum Nacional de Educação Inclusiva, Mais Diferenças, Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação) e Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância).

    Participe! Envie sugestões e tire dúvidas:
    Contato: Douglas Alves, assistente de mobilização da SAM.
    Tel.: (11) 3159-1243 (fixo Embratel) // (11) 95857-0824 (Tim)

    Fonte: http://www.cnte.org.br/

    segunda-feira, 28 de julho de 2014

    SINTEAC GARANTE REENQUADRAMENTO PARA 1.416 SERVIDORES APOSENTADOS

    O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre - SINTEAC informa aos seus associados (aposentados e ativos) que em reunião realizado no inicio do mês de julho do corrente ano, na Casa Civil, tendo como pauta o reenquadramento para os servidores aposentados do quadro da educação, onde estiveram presentes o senhor Governador Tião Viana, senhor Diretor/Presidente do Acreprevidência, professor José Anchieta, bem como, sua equipe e o senhor secretário de Educação, professor Marcos Brandão, sendo acordado o seguinte ponto:

    Reenquadramento dos aposentados e pensionistas, garantindo ainda o pagamento para o dia 25 de julho, bem como retroativo ao mês de maio 2014.

    Segundo informações do Acreprevidência em reunião realizada dia 23 de julho com a diretora do Departamento de Aposentados do Sinteac, Zuila Assef, serão beneficiados 1.416 servidores aposentados reenquadrados conforme discriminado abaixo. Totalizando um valor retroativo de R$ - 2.681.519, 84 e a folha do mês de julho um valor de R$ - 1.173.141,19.

    · 227 funcionários de apoio;

    · 26 especialistas em educação;

    · 1.163 professores. 

    Em relação aos pensionistas, informamos que o Acreprevidência, não concluiu o levantamento de quantos serão beneficiados, pois se precisa fazer um levantamento minucioso da documentação que levou ao benefÍcio. 

    A diretoria do SINTEAC, estar à disposição para prestar as informações necessárias para bem informar nossa categoria. 

    A DIRETORIA