sexta-feira, 3 de maio de 2013

CARTA AOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO DE TARAUACÁ

Eurico Paz e Lauro Benigno

COMPANHEIROS E COMPANHEIRAS DAS NOSSAS REDES DE EDUCAÇÃO 

Hoje, sexta feira, teremos um importante encontro com vocês para que possamos tratar de 3 questões relevantes para a nossa luta sindical aqui em Tarauacá. 
PRIMEIRA: É a eleição de membros da diretoria do nosso núcleo para administrar o dinheiro das vossas contribuições e também a nossa luta diária por vida mais digna. 
Apenas uma chapa encabeçada pelo companheiro Eurico Paz concorre à eleição. Uma diretoria unificada, renovada e diversa passará pela apreciação de vocês. Por conta ser chapa única, a Comissão eleitoral decidiu que a votação acontecerá durante a nossa assembléia. Muitos devem estar se perguntando por que não haverá disputa entre duas ou mais candidaturas. A resposta é simples. Os últimos dirigentes do Sinteac de Tarauacá sempre se destacaram por estabelecer uma linha de política sindical que procurasse unificar nossa categoria. E isso se manifesta até no processo eleitoral. Todos que desejam fazer parte da luta sindical são convidados a se juntar aos atuais. Além disso, os dirigentes locais sempre se destacaram na gestão administrativa e na luta política. Um sindicato forte, presente, democrático e consciente. 
O atual presidente Eurico Paz, que concorre à reeleição, já provou que é um companheiro de confiança, honesto, dedicado e atuante. Qualidades necessárias para um homem que se estende ao líder sindical. Hoje temos um sindicato com um patrimônio invejável, dinheiro em caixa e vitorioso em suas lutas políticas. Tudo isso, graças ao nível de consciências de seus principais dirigentes e a disposição de luta da nossa categoria. O que seria de nosso maior instrumento de luta que é o nosso sindicato, se não fosse o nosso maior patrimônio, que são os trabalhadores e as trabalhadoras em educação de nosso município? 
Os que nos criticam hoje com adjetivos conservadores são os mesmos que “nos apedrejavam” num passado não muito distante. Uma minoria que só pensa em seu próprio umbigo e nunca quis se juntar a nós na eterna luta de classes. Tudo dentro da normalidade histórica da nossa luta. 
SEGUNDO: vamos tratar da data base estadual. Precisamos nos fortalecer e nos juntarmos aos companheiros dos demais municípios e da capital para as conquistas de 2013. O nosso presidente estadual estará presente na assembléia discutindo com a gente cada ponto da nossa proposta que está sendo discutida com o Governo do Estado. No próximo ano haverá eleição para governo e nosso sindicato precisa cada vez mais se fortalecer para encarar seja qual for o novo cenário administrativo do estado. 
TERCEIRO: A data base municipal em destaque. Passamos por um momento novo em Tarauacá e precisamos estar atentos ao que acontece na administração municipal. A Secretaria de educação passa por uma crise em sua gestão e precisamos nos fortalecer para que nossas reivindicações sejam atendidas. Sempre soubemos separar a política partidária com os interesses da nossa categoria. Já provamos isso. 
É comum sermos tolerantes ao encarar um governo que está apenas iniciando um mandato. Já se assaram três meses e já é possível saber qual é o cenário administrativo em que nos encontramos e isso nos faz crer que teremos que nos organizar e nos unificar muito mais enquanto categoria. 

Todos à luta!

Sinteac de Tarauacá

Nenhum comentário:

Postar um comentário