quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Inscrições para o 6º Prêmio Professores do Brasil ainda estão abertas


Professores concorrem a prêmio por iniciativas de ensino bem-sucedidas
Valorizar práticas pedagógicas bem sucedidas, criativas e inovadoras na rede pública de ensino. Este é o objetivo do 6º Prêmio Professores do Brasil, uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC) instituída pela Secretaria de Educação Básica (SEB), que está com inscrições abertas até o dia 27 de outubro.
Este ano, foi criada uma segunda categoria, sobre temas específicos, além da já conhecida, de temas livres. Esta é subdividida nas áreas de educação infantil, anos iniciais do ensino fundamental, anos finais e ensino médio. O novo módulo conterá projetos de educação integral ou integrada, ciências para os anos iniciais, alfabetização nos anos iniciais e educação digital, articulada ao desenvolvimento do currículo.
Cada categoria terá até quatro professores premiados em cada uma das subcategorias, um por região do país. Os autores das experiências selecionadas pela comissão julgadora nacional, independentemente de região e da categoria, receberão R$ 7 mil, além de troféu e certificados expedidos pelas instituições parceiras.
Nas edições passadas, os inscritos precisavam apresentar projetos ou atividades concluídos ao fim do ano anterior ao da inscrição. Este ano, serão válidas experiências realizadas até a data da abertura das inscrições. Ou seja, até a última segunda-feira, 1º de outubro. “Ampliamos as possibilidades de participação. Acreditamos que assim os professores ficarão ainda mais estimulados”, ressalta a diretora de formulação de conteúdos educacionais da SEB, Mônica Gardelli.
A função do prêmio, de acordo com Mônica, é  resgatar e valorizar o papel dos professores como agentes fundamentais no processo formativo das novas gerações. Segundo ela, a iniciativa serve como estímulo para os professores inscritos e também como exemplo para outros profissionais. “A importância do prêmio se deve ao fato de ele valorizar experiências de professores da rede pública”, disse. “Essas experiências, ao se tornarem conhecidas, podem ser replicáveis”.
Mônica salienta que o prêmio "também promove a reflexão das intervenções pedagógicas. Reconhece experiências exitosas no enfrentamento das dificuldades da educação básica”.
O Prêmio Professores do Brasil foi instituído em 2005. As inscrições para a sexta edição devem ser feitas na página do prêmio na internet. Nela, o professor também encontra informações relevantes e o regulamento.
Categorias do concurso e premiação
 Nesta Edição serão contemplados os professores de todas as etapas da educação básica (Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio) divididos em duas categorias:
I – Categoria Temas Livres:
a) Educação Infantil;
b) séries/anos Iniciais do Ensino Fundamental;
c) séries/anos Finais do Ensino Fundamental; e
d) Ensino Médio.
II – Categoria Temas Específicos:
1. Educação Integral e Integrada;
2. Ciências para os anos iniciais;
3. Alfabetização nos anos iniciais do Ensino Fundamental;
4. Educação Digital articulada ao desenvolvimento do currículo.
Os autores das experiências selecionadas, independentemente da categoria em que concorrem, receberão a importância de R$ 7 mil, troféu e certificados expedidos pelas instituições parceiras do Prêmio: Fundação SM, Fundação Volkswagen, Abrelivros e Instituto Votorantim. As escolas nas quais foram desenvolvidas as experiências selecionadas serão premiadas com placa comemorativa fornecida por esses parceiros: Fundação SM, Fundação Volkswagen, Abrelivros e Instituto Votorantim.
Fonte:  http://www.janelao.net

Nenhum comentário:

Postar um comentário