sexta-feira, 10 de julho de 2009

VITÓRIA: CATEGORIA ACEITA PROPOSTA DO GOVERNO EM ASSEMBLÉIA REALIZADA EM RIO BRANCO

Os trabalhadores da educação aprovaram a proposta do governo do Estado na assembleia do final da tarde de ontem, no colégio estadual Barão do Rio Branco (CEBRB).

Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Educação (Sinteac), Manoel Lima, a categoria aceitou o acordo, pois houve avanços nos quatro pontos que tinham sido contemplados em negociações anteriores, entre eles, o reajuste da área administrativa das escolas, ou seja, níveis 1 e 2.

“Conseguimos contemplar, também, os aposentados e os assessores pedagógicos, além da implantação do piso nacional de R$ 1.132 até para os professores temporários”, explicou o sindicalista.

Com o fim da mobilização trabalhista, os trabalhadores começam a receber os aumentos de forma retroativa, sendo a partir de 1º de janeiro para os professores que tenham apenas o nível médio e, a partir de junho, para o setor administrativo.

“O nível 2 terá os R$ 50 de abono, além de 5% de aumento e o reenquadramento em outra letra, tendo até o final do ano 15% a mais no salário, então a categoria está sendo contemplada”, afirmou Manoel Lima. (Freud Antunes)

Fonte: A Tribuna

Um comentário:

  1. Não entendi, no site do jornal o estado do acre está citando um abono de 50%, e aqui está de 50 reais. Penso que alguem está equivocado. Quem será?

    ResponderExcluir