quarta-feira, 28 de novembro de 2012

INFORME SINDICAL




O Sinteac estará impetrando uma ação na justiça para os professores efetivos, que já recebiam como nível superior até julho de 2005. Esta ação na justiça visa à correção de uma letra bem como o recebimento do retroativo dos últimos cinco anos, conforme a legislação em vigência.  
O prazo encerra no final deste mês, (dia 29 de novembro), os interessados devem comparecer a sede do Núcleo do Sinteac o mais rápido possível para preencher a documentação necessária.
Documentos exigidos disponíveis no Sinteac: 
Cópia RG e CPF;
Procuração; 
Declaração; 
Contrato de honorários; 
Fichas financeiras (2008 até 2012); Cópia RG e CPF;
Observação: As pessoas que já impetraram aquela ação anterior (13º salário e adicional de férias) não precisam mais providenciar as fichas financeiras.

Atenciosamente,

À direção. 

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Saiba quais estados brasileiros não respeitam a Lei do Piso



Uma das principais lutas dos trabalhadores da educação brasileira, a Lei Nacional do Piso do Magistério, promulgada em 2008 (Lei 11.738/08), ainda não é respeitada por 10 estados brasileiros. E outros 11 estados não cumprem integralmente a lei, o que inclui a hora-atividade, que deve representar no mínimo 1/3 da jornada de trabalho do professor, conforme aprovado pelo Supremo Tribunal Federal em 2011.
Entre as ações que buscam garantir o respeito à lei, a CNTE realizou, em conjunto com a CUT, a VI Marcha Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública, no dia 05 de setembro, em Brasília. 10 mil trabalhadores compareceram na Esplanada dos Ministérios.
No mesmo dia, a CNTE solicitou audiências com a presidenta Dilma Rousseff, com o ministro da educação, Aloizio Mercadante e com os presidentes do Senado Federal, José Sarney e da Câmara dos Deputados, Marco Maia, para debater o trâmite do Plano Nacional de Educação, a implementação da Lei do Piso e as principais reivindicações da Marcha. Saiba mais detalhes aqui.
Relação de estados:
Não pagam o piso: Alagoas, Amapá, Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Sergipe.
Não cumprem a lei na íntegra: Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pará, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Roraima, São Paulo, Tocantins.
Cumprem a lei na totalidade: Acre, Amazonas, Distrito Federal, Mato Grosso e Rondônia.
Não informado: Rio de Janeiro.
Abaixo, a tabela de salários do magistério nos estados atualizada.

tabela_vencimentos_remuneracoes

PARTICIPE DA GRANDE FESTA DO MILHO NO DIA 2 DE DEZEMBRO NA ESCOLA 15 DE JUNHO


quinta-feira, 15 de novembro de 2012

SINTEAC E CORPO DE BOMBEIROS MILITAR FIRMAM PARCERIA PARA PROMOVER AULAS DE NATAÇÃO

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre Núcleo de Tarauacá além da parceria com o Corpo de Bombeiros Militar do Acre da Regional Tarauacá/Envira no Projeto Bombeiro Mirim realizará parceria também no curso de natação com  previsão para iniciar em dezembro.
Inicialmente serão 20 vagas, sendo 10 para familiares de pessoas que vivem em vulnerabilidade social, selecionados pelo Corpo de Bombeiros, e 10 exclusivamente para dependentes do Sinteac.
As inscrições para as dez vagas destinadas aos dependentes dos sócios do Sinteac se iniciarão na segunda feira 07/12/2012 a partir das 8h:30min.
O curso está previsto para iniciar na primeira semana de dezembro e é destinado à crianças com a faixa etária entre 7 a 14 anos, e com duração de aproximadamente 3 meses.
Nesse primeiro momento, as vagas serão exclusivamente para crianças do sexo masculino, pois o Corpo de Bombeiros Militar do Acre do nosso município ainda não dispõe de mulheres na corporação.
A previsão é que no próximo ano, teremos mulheres  na corporação que serão chamadas do último concurso do Corpo de Bombeiros Militar e, portanto, nas próximas edições tanto do Bombeiro Mirim quanto do Curso de Natação as meninas também possam ser contempladas.

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

AULA DE MÚSICA DO SINTEAC: INSCREVA-SE JÁ

O Sinteac do núcleo de Tarauacá informa a todos os seus associados que continuam abertas as inscrições da escolinha de música, oferecendo aulas de violão e teclado para seus filhos(as).
As inscrições já estão abertas e se estenderão até final de novembro. As vagas são limitadas e serão oferecidas nos respectivos dias e horários abaixo relacionados:

HORÁRIO DAS AULAS DE MÚSICA 
TECLADO E VIOLÃO 


SEGUNDA-FEIRA


TERÇA-FEIRA

QUARTA-FEIRA


MANHÃ

DAS 09 AS 10
DAS 10 AS 11
DAS 11 AS 12


DAS 09 AS 10
DAS 10 AS 11
DAS 11 AS 12


DAS 09 AS 10
DAS 10 AS 11
DAS 11 AS 12



TARDE


DAS 14 AS 15
DAS 15 AS 16


DAS 14 AS 15
DAS 15 AS 16


DAS 14 AS 15
DAS 15 AS 16



OBS: Limite de alunos por horário: 05 para teclado e 05 para violão.


sábado, 10 de novembro de 2012

Sinteac discute com professores a regularização econômica da categoria

O encontro aconteceu no auditório da secretaria de estado de educação e teve como objetivo principal esclarecer para os professores a situação econômica de cada um e ainda esclarecer fatos em que prejudicou economicamente alguns professores nos últimos cinco anos. De acordo com levantamentos o estado será obrigado a devolver 11% da dobra, e mais 11% das aulas complementares que foram retirados da folha de pagamento de forma indevida.

O governo terá ainda que rever a situação funcional e econômica dos professores que até 2005 tinham curso superior e foram prejudicados com a retirada de uma letra que correspondeu uma perda salarial de 10%. Manoel lima garante que vai brigar pela devolução da letra, o ressarcimento salarial e a devolução financeira dessa perda corrigida.

Manoel garante também que os professores do contrato provisório têm direitos, como férias e décimo terceiro garantidos por lei e que algumas instituições estão negando esse direito devido.


 Fonte: http://www.oriobranco.net



quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Sinteac participa da promoção à graduação de Cabo dos soldados do Corpo de Bombeiros Militar do Acre

Tenente Rômulo Barros da Silva - Comandante
Ontem (7) aconteceu pela manhã, no auditório do CEDUP, a solenidade de promoção à graduação de Cabo do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Acre, obedecendo à ordem rigorosa de merecimento intelectual obtidos no Curso de Formação de Cabos - CFC/2012.
Na ocasião estiveram presentes autoridades civis, militares do comando da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Acre, familiares e madrinhas dos graduandos e os bombeiros mirins do nosso município que na oportunidade ganharam presentes em comemoração ao dia das crianças.
O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre núcleo de Tarauacá sempre desenvolve parcerias com o Corpo de Bombeiros Militar
Em nome dos Trabalhadores em Educação do Acre parabenizamos aos novos Cabos da Corporação pela Graduação.
Bombeiros Militar do Estado do Acre da Regional Tarauacá/Envira que receberam a promoção 
 Marcos Roberto Cruz Marinho
  Márcio da Silva Lima
  José Jailton Cavalcante de Figueiredo
  José Dácio Barbosa dos Santos
   Diego Soares da Silva
José Carlison Plácido de Souza
  Marcelo Monteiro Dias
José Francisco Amorim de Souza

Veja mais fotos no Blog do Eurico Paz

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Aniversariante do Dia

Professor Raimundo Accioly
Parabéns ao nosso valoroso companheiro e membro da nossa diretoria, professor Raimundo Accioly, pelo seu aniversário.

Governo tem apoio nos 100% dos royalties para a educação


mercadante1
O governo federal defende a destinação de 100% dos royalties dos novos contratos da exploração de petróleo à educação pública brasileira como forma de chegar ao patamar de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para o setor, como deixaram claro a presidenta da República, Dilma Rousseff, e o ministro da Educação, Aloizio Mercante, esta semana.
A determinação de destinação dos 10% do Produto Interno Bruto (PIB) integra projeto de lei que trata do novo Plano Nacional de Educação (PNE), com duração decenal. Após a tramitação na Câmara dos Deputados, o projeto será submetido à apreciação do Senado Federal.
Nos próximos dias, o presidente da Câmara dos Deputados, deputado Marco Maia, deve pautar a votação do projeto de lei que redistribui os royalties do petróleo (originário no Senado Federal). Os royalties resultam de percentual do lucro obtido pelas empresas petroleiras pago à União, estados e municípios. O pagamento é uma forma de compensação pelo uso do recurso natural, oneroso e não renovável.
A proposta de destinação dos futuros royalties do petróleo à educação, defendida pelo Palácio do Planalto e elaborada pelo Ministério da Educação, tem o apoio do Fórum Nacional de Educação (FNE), órgão de Estado responsável pela interlocução entre sociedade civil e governo. A rede da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, composta por mais de 200 movimentos e organizações de todo país, também se manifestou, em carta, a favor da proposta.
De acordo com o FNE, apesar de a Câmara dos Deputados ter aprovado a destinação de 10% do PIB à educação, é necessário definir as fontes de financiamento. “Há consenso, tanto no governo, quanto na sociedade civil, de que as fontes que assegurarão a aplicação dos 10% do PIB devem ser imediatamente definidas”, afirma nota divulgada pela entidade. “Na votação dos royalties pagos à União, estados e municípios, o Fórum Nacional de Educação defende que o critério de destinação dessa receita tributária seja o investimento na educação escolar pública nacional.”
Confira a íntegra das notas do FNE e da Campanha Nacional pelo Direito à Educação


Assessoria de Comunicação Social

Aniversariantes do Mês

Leandro Barbosa(04/11)
Raimundo Accioly(05/11)