terça-feira, 5 de outubro de 2010

UFAC PODE PERDER STATUS DE UNIVERSIDADE


A partir de agora, para que instituições de ensino superior tenham o status de universidades, elas terão que disponibilizar pelo menos dois programas de doutorado e quatro de mestrado. É o que determina uma resolução do Conselho Nacional de Educação (CNE), homologada pelo ministro da Educação Fernando Haddad.
As atuais universidades terão até 2016 para se adaptar, segundo o MEC. Atualmente quase a metade delas não conta com esse requisito mínimo. Além de oferecer os programas, as instituições vão ser obrigadas a ter, no mínimo, um terço do corpo docente de mestres ou doutores e um terço dos professores em regime de tempo integral.
A Universidade Federal do Acre (Ufac), para não perder o status de universidade, planeja implantar o programa de doutorado em breve. O assessor João Petrolitano confirma a existência de cinco projetos de mestrado. "Temos um na área pedagógica e os outros quatro na área ambiental", explica.
Os cursos de doutorados oferecidos pela Ufac são em parceria com outras Universidades, segundo João Petrolitano. "A Universidade Federal de Minas Gerais é uma grande parceiro nossa na formação de novos doutores".
"Até 2016 a Ufac estará apta a ser avaliada pelo MEC e comprovar que pode formar novos profissionais e ter autonomia para decidir o que for melhor para a instituição", declara João Petrolitano.
A nova resolução não vale para entidades estaduais e municipais, que seguem leis específicas, mas representantes de universidades federais também contestam a validade da medida.
Como conseqüência, o "rebaixamento" para centros universitários ou faculdades tira da instituição parte de sua autonomia.

DIFERENÇAS
 
Faculdade - Instituto de ensino superior que precisa de aprovação do MEC para ampliar vagas ou cursos; seus diplomas têm de ser registrados por uma universidade.
Centro Universitário - Pode criar novos cursos e vagas sem pedir aprovação do MEC, mas não novas sedes. Não precisa realizar pesquisa.
Universidade - Instituição com autonomia para criar novos cursos, sedes, alterar número de vagas e expedir diplomas. Tem de oferecer ensino, pesquisa e extensão. 
 
Fonte: http://www.jornalatribuna.com.br/
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário